Receitas recentes

terça-feira, 1 de maio de 2018

Piña colada

Porque nem so de comida infantil vivemos 😂😂😂😂

1 xicara de abacaxi em cubos
1 xicara de rum
1 xicara de leite de coco caseiro (bem concentrado)
2 cs Açúcar
10 cubos de gelo
1/2 xic água con gas


Bata tudo (menos a água com gás) até ficar bem homogêneo. Misture a agua com gas e sirva com mais gelo


domingo, 25 de fevereiro de 2018

Sorvete de coco com chocolate







1 xícara de coco em flocos torrado - não queimado!! rsrs (na frigideira ou no forno)

1 xícara de castanha de caju

1 e 3/4 xicara de leite de coco caseiro bem concentrado (aqui fiz dois cocos secos ralados para 3 a 4 xícaras de agua, depende do tamanho do coco - os que tinhamos aqui eram enormes, então usei 4)

1 xícara de tâmaras deixadas de molho em 1 xícara de água

2 cs essencia de baunilha caseira ou fava de uma baunilha

1 xícara de chocolate 100% (para opção sem açúcar) ou 70% picado ou em chips

Bata a castanha de caju com as tâmaras deixadas de molho (a água da tâmara vai junto! Deixamos de molho para facilitar na hora de bater e não deixar pedaços - faça isso ainda que seu liquidificador seja potente). Acrescente o leite de coco e a baunilha e bata mais. Refrigere essa mistura por mais ou menos uma hora. Coloque a mistura na sorveteira de acordo com as instruções. Quando estiver pronto, acrescente o coco ralado tostado e o chocolate. Sirva imediatamente ou leve ao freezer. Se não for servir imediatamente, lembre-se de tirar o sorvete uns 15 a 20 minutos antes para que ele não fique muito duro.


sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

Bolo de cacau com cobertura de coco


Aqui estamos numa fase de testes de sorvetes feitos com leite de coco caseiro. O resultado final é que ficamos com toneladas de bagaço de leite e coco. E para não desperdiçar, fizemos esse bolo (que normalmente é feito com coco fresco ralado, mas aí compensamos com o uso de um pouco mais de oleo de coco para reequilibrar a gordura).
Fizemos em uma forma redonda pequena e a julia simplesmente amou participar de todo o processo


Bolo
Ingredientes:
5 ovos
5 cs cacau
1 xic pure de tamaras
100g bagaço de leite de coco (ou coco ralado fresco, sem açúcar)
1/4 xícara de óleo de coco (se usar coco fresco ralado usa 2 cs só)
1 cs fermento caseiro

Bata tudo no liquidificador e leve ao forno pre aquecido a 180 graus por 25 a 35 minutos.

Calda
500mL leite de coco caseiro bem concentrado
100g tämaras
100mL água

Deixe as tamaras de molho para amolecer. Junte com o leite de coco e bata bem até ficar uma mistura homogênea. Leve ao fogo e vá mexendo até reduzir (quase 40 minutos). Coloque uma parte na geladeira para modelar os docinhos e a outra parte jogue por cima do bolo.
Eu enrolei os docinhos no bagaço do leite de coco.

Ficou uma delícia! Sucesso absoluto com a Julia.


quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Biscoito de coco com cacau

Com a sobra do leite de coco tivemos a ideia de fazer um biscoitinho de cacau, exatamente como ela gosta.

1 xic de bagaco de coco
1 xic farinha de castanhas
1/4 xic de oleo de coco ou ghee
1 cs cacau
1 xic pure de tâmaras

Misture tudo e modele, levando em forno pre aquecido a 180 graus por uns 15 minutos. Ele fica macio mas endurece um pouco depois

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Cracker de sementes


1/4 xic semente de abobora triturada
1/2 xic de semente de girassol
1/4 xic semente de linhaça 
1/4 xic farinha de castanhas
1 cs psyllium 
3/4 xic de agua
Orégano a gosto
Sal a gosto
1 cc nutritional yeast (opcional)

Misture tudo e deixe repousar por uns vinte minutos, ate o psyllium e linhaça absorverem a agua, formando um gel. Espalhe numa esteira de silicone, Fazendo uma camada fina e uniforme e leve ao forno a 180/200 graus por uns 15 minutos ou até dourar. Fique de olho pra nao queimar. Depois corte e guarde, depois de frio,  num pote.



sábado, 27 de janeiro de 2018

Cookies de coco



Biscoitinho delicia feito por mim e pela bebeia


1/4 xic manteiga de coco ou oleo de coco
1/4 oleo de coco ou manteiga
1/4 xic farinha de linhaca
1/3 farinha de grao de bico
1/4 xic farinha de aveia
1/2 xic pure de tâmaras (250g tamaras sem caroco e 200g agua. CozInhe as tâmaras e depois processe)

1 cc essencia de baunilha caseira

Misture os ingredientes e forme bolinhas, achatando levemente. Coloque em uma esteira de silicone ou forma untada e asse por 15 min a 180 graus

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Pão de forma

Ingredientes:
3 ovos
1/2 xícara de água
1/2 xícara de soro de iogurte (ou água ou leite vegetal)
5 cs azeite
1/2 xic farinha de arroz
1/2 xícara farinha de sorgo
1/2 xícara farinha de grão de bico
1/2 xícara de fécula de batata
1/2 xícara de polvilho doce
2 cs farinha de linhaça dourada
1 cs açúcar mascavo
1 cc sal
1 cs fermento biológico
1/4 xic Sementes de girassol abóbora e chia

Misture os ingredientes secos. Bata os ingredientes líquidos no liquidificador e depois incorpore aos secos. Junte as sementes e coloque em uma forma para pão untada. Espere crescer por mais ou menos uma hora. Leve em forno pre aquecido a 180 graus por mais ou menos 30 a 40 minutos. Desenforme e coloque em uma grelha para esfriar. Fatie já frio e congele. Pode descongelar diretamente na sanduicheira.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Pão de queijo de cabra

Versao adaptada pras particularidades do leite e queijo de cabra

As vezes consigo por aqui leite de cabrinhas felizes que pastam pela região. E assim descongelei minha ultima garrafinha com a intenção de fazer pao de queijo e iogurte. O primeiro resultado saiu e ficou delicioso

1 xícara de tapioca granulada (do cuscuz)
2 xicaras de leite de cabra
4 cs cheias de gordura (usei uma banha artesanal que tinha comprado num camping da região)
3 ovos caipiras
2 xicaras de queijo de cabra (usei dois tipos, uma xícara de cada)
Aproximadamente 1 xicara de polvilho azedo
Pouco sal (nem usei pq um dos queijos era bem salgado)

Ferva o leite de cabra. Misture bem a tapioca nele pra nao criar gomos. Adicione a gordura e mexa mais. Espere esfriar.
Acrescente os demais ingredientes deixando o pvilho por ultimo ate que a massa de liga. A massa é meio grudenta. O ponto é quando conseguimos enrolar bolinhas sem grudar tudo na mão (grudar um pouquinho ok)

segunda-feira, 3 de abril de 2017

Sorvete vegano de baunilha


E minha sorveteira vai sendo cada vez mais utilizada.... e agora com a minha maior musa inspiradora, que ainda não come açúcar, mas fica de olho em tudo que a 
mamãe esta comendo.
A solução, então, foi fazer uma receita que agradasse a todos de casa!
Mas atenção! Essa receita é muito fácil se feita na sorveteira. No muque, a coisa muda de figura..... tem que levar a mistura ao freezer por duas horas, voltar pro processador, colocar no freezer mais duas horas, processar novamente e assim sucessivamente (umas 4 vezes pelo menos, ate a consistencia de sorvete se formar)

400 ml de leite de coco (se tiver acesso àqueles vendidos em lata, mais cremosos, vai fundo!)
3/4 tamaras sem caroços (usei aquela mais macia, medjol)
1,5 xic leite de castanha de caju 
1 fava de baunilha raspada (so as sementinhas)
1/2 colher de cha de goma guar (opcional)

Bata o leite de coco e as tamaras. Adicione o leite de castanhas e baunilha. Por último, acrescente a goma. Deixe na geladeira por uma hora.
Ligue a sorveteira e va adicionando a mistura aos poucos. Deixe batendo por uns 20 minutos (depende das instruções do fabricante). Tome imediatamente ou leve ao freezer, mas nesse caso retire o sorvete uns 10 minutos antes de servir.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Estrogonofe de palmito pupunha


Me programei pra fazer um jantar especial em casa. Era pra ser um estrogonofe de cogumelos, mas não tinha unzinho sequer pra contar história no  hortifruti. Mas tinha um belo palmito fresco que eles limpam na hora. E foi aí que veio a ideia.
Cortei 2/3 do palmito em pedaços (tirando a casca mais fibrosa de fora) e refoguei com 1 cebola e 3 dentes de alho. 

Acrescentei 1 tomate picado
1 pimenta dedo de moça sem sementes 
1 cc paprica
Deixei cozinhar por uns 20 minutos enquanto ralava o inhame e fritava no oleo de coco.

Quando o palmito ficou macio (ele nao chega a ficar molengo, so macio. Pode ser necessário colocar um pouco de água), eu acrescentei aproximadamente 1 xicara de leite de castanhas. Peguei majs uma xicara de cafe e coloquei metade de leite de castanhas e uma colher de sobremesa de fecula de batata ou farinha de trigo ou farinha sem glúten . Musturei pra engrossar o caldo e joguei salsinha picada por cima.
Pra montar eu botei arroz por baixo, o estrogonofe e o inhame palha frito no oleo de coco (depois lembrei porque eu detesto fritar em casa 😏)

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Hamburguer de lentilha



1 cebola picada
3 dentes de alho picados
2 xic lentilha germinada (deixe de molho 24 horas e depois deixe em uma peneira umedecendo sempre ate germinar, em torno de dois dias)
1 xic de sementes de gergelim e abobora  tostadas e processadas (ate virar farinha)
1 cs zahtar (opcional)
1 cc curry verde em po
1 xic salsa e cebolinha picadas
4 cs azeite
Suco de 1 limão 
Sal a gosto (nao usei porque fiz pra baby)

Refogue o alho e processe a lentilha. Misture todos os demais ingredientes, colocando sal e pimenta. Modele e faça na frigideira com óleo de coco. Aproveite pra congelar alguns para o momento do desespero.



quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Falafel para bebês

Eu queria comer grão de bico, mas Como oferecer pra baby? Falafel! E foi assim o nosso almoço delicia hoje

Deixe o grão de bico de molho por 36 horas. Lave bem e cozinhe até ficar macio.

200g grao de bico cozido e amassado
100g purê de abóbora japonesa
30 g biomassa molinha
2 cs farinha de arroz ou de aveia
Temperos à gosto
Salsa e espinafre cozido picadinhos
Azeite

Misture todos os ingredientes ate ficar uma massa molenguinha, mas que ainda dê pra trabalhar (nao coloque muita farinha pra nao deixar o gosto forte e mascarar o grão de bico).
Passe azeite nas suas mãos e modele uns bolinhos. Leve ao forno para dourar por uns 20 minutos. Fica crocante por fora e macio por dentro


domingo, 21 de agosto de 2016

Bolo vegano de chocolate com cobertura de nutella caseira


Bolinho by Lulu e Yasmin sob coordenação da Lelê hahaha

2 xic farinha sem gluten (uso a Amina quando nao tenho tempo de fazer a minha)
1/2 xic cacau
1 cc bicarbonato
1 xic acucar mascavo 
1 pitada de sal
1 cc canela
1/2 xic oleo de coco
1 cc vinagre de maçã 
2 xic água 

Misture os secos em uma tigela e bata os ingredientes molhados. Depois vá acrescentando aos poucos os ingredientes secos. Unte uma forma redonda (uns 22 a 25 cm) e asse em forno pré-aquecido a 180 por 35 min ou ate o palito sair seco.

Cobertura:
3 xic de mix de castanhas de caju, amendoas e avelãs
1/2 xic cacau
1/4 xic oleo de coco
1/2 xic acucar mascavo 

Aqueca as castanhas e depois bata num processador/liquidificador junto com o cacau e açúcar ate formar uma pasta. Va adicionando o oleo de coco aos poucos pra ajudar a dar consistência. Voce vai precisar bater uns 15 minutos, cuidado pra nao sobrecarregar o aparelho hehehe
Gosto sempre de fazer em quantidade pra deixar guardadinho e comer com banana, na torrada, enfim....


segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Bolo de cenoura sem glúten e sem lactose

E hoje foi dia de despedida de uma mãe da dança materna e de boas vindas a duas novas mamães. E pra celebrar as amizades que ficam e as novas que se formarão, nada melhor que um cafezinho com bolo. 
Ainda conseguimos tirar uma fotinho dele inteiro antes de devorarmos o bolinho. Fizemos muita bagunça no tatame da Sofia, mas nos divertimos igualmente. 



Ingredientes do bolo

3 ovos
2 cenouras grandes
1 xícara e 1/4 de açúcar mascavo (se usar demerara, diminua pra 1 xícara)
1/2 xícara de óleo de coco desodorizado ou azeite
1 xícara de farinha de arroz integral
1 xícara de fécula de batata
1/2 xícara de polvilho doce
1/4 xícara de farinha de linhaça
1/4 xícara de farinha de grão de bico
1 cc bicarbonato

Bata no liquidificador os ovos, óleo, cenoura e açúcar. Separadamente, misture as farinhas e bicarbonato. Despeje a mistura líquida e mexa bem. 
Asse em forno pré-aquecido a 180/200 graus por aproximadamente 30 minutos (espete o palito e veja se sai seco)

Calda de chocolate
80 g biomassa de banana verde 
1 xícara de leite de castanhas
3 cs cacau
6 cs açúcar mascavo

Leve ao fogo até engrossar. Se estiver usando biomassa congelada, é bom dar uma batida na calda depois de aquecida porque a biomassa pode deixar alguns grumos. 

Jogue sobre o bolo e sirva!

Olha ele aí depois de aberto e lambuzado de calda de chocolate